5e60e897ab9fb1679182599.jpg

Sala de Estudo

O Estúdio era a dependência privada do Papa Luna e o local onde também estava albergada parte da sua biblioteca. A dependência é dividida por um arco em dois pequenos espaços, marcados por duas aberturas viradas a leste e a sul.  Por cima da porta encontra-se o brasão papal de Bento XIII.

Era neste pequeno e acolhedor de cómodo l onde se recolhia para meditar, era aqui que se recolhia depois das refeições e foi aqui que foi envenenado com os doces que lhe foram ofertados pelas freiras (era aqui que os guardava num pequeno armário). Foi neste espaço privado que nos últimos anos da sua vida escreveu a que é atualmente considerada a sua obra mais profunda – o “Libro de las Consolaciones de la Vida Humana” (“O Livro das Consolações da Vida Humana” – tradução livre).

Pedro de Luna dedicou a sua vida à sua crença, à Igreja e à justiça das suas considerações. Nesta magnífica obra recorda todos os amigos de perdeu e os que, entretanto, morreram. Esta obra muito mais que um livro é uma liçao de vida, e uma reflexão sobre si mesmo e os que o rodearam.

O Estúdio era certamente o derradeiro refúgio de Pedro de Luna e onde, provavelmente, reviu a sua vida incontáveis vezes.